SEGUIDORES

segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

CURTO-CIRCUITO ou CURTOCIRCUITO?

Antes que os anti-AO e alguns que, embora sendo pró, desconhecem as novas regras (que também os há…) me jurem pela pele, aqui vai a resposta:
Pode continuar a curto-circuitar…
                                   curto-circuito mantém o seu hífen!

O AO90 sistematiza as regras do hífen e simplifica-as nas locuções e formações por prefixação, mas não as altera nos compostos sem elementos de ligação (por exemplo, arco-íris, segunda-feira, guarda-chuva e… curto-circuito!).
O nº 1 da Base XV do Novo Acordo Ortográfico não altera o que estava estatuído pelo AO45 e FO43:
Emprega-se o hífen nas palavras compostas por justaposição que não contêm formas de ligação e cujos elementos, de natureza nominal, adjetival, numeral ou verbal, constituem uma unidade sintagmática e semântica e mantêm acento próprio, podendo dar-se o caso de o primeiro elemento estar reduzido: ano-luz, arcebispo-bispo, arco-íris, decreto-lei, és-sueste, médico-cirurgião, rainha-cláudia, tenente-coronel, tio-avô, turma-piloto; alcaide-mor, amor-perfeito, guarda-noturno, mato-grossense, norte-americano, porto-alegrense, sul-africano; afro-asiático, afro-luso-brasileiro, azul-escuro, luso-brasileiro, primeiro-ministro, primeiro-sargento, primo-infeção, segunda-feira; conta-gotas, finca-pé, guarda-chuva.

Abraço!
AP
Imagem encontrada AQUI.

Nenhum comentário:

Postar um comentário